Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
konhenrique5820

Fani Pacheco Posa Nua E Filosofa Nas Rede Sociais

QUER Ganhar MAIS CONTEÚDOS COMO Esse POR E-MAIL? : O Que Fazer Quando O Influenciador Erra?


Imediatamente virou clichê expressar que a web mudou e acelerou as relações. E, vez ou outra, temos contato com exemplos reais da bola de neve que poderá virar um comentário mal feito em lugar online. O modelo mais recente aconteceu com o influenciador digital Julio Cocielo, vinte e cinco anos. Em 4 dias, após um comentário racista no Twitter, ele viu tua reputação digital destinar-se por água abaixo. Como decorrência, um pedido de desculpas em texto, toda a timeline do Twitter apagada, afinal, começaram a desencavar conteúdos similares e até piores no seu histórico, e outro pedido de desculpas, dessa vez em filme.


“Conheço bem o Cocielo e entendo que ele não tem definitivamente nada de racista, não é uma característica dele. O que ele faz é sátira, piada. Todavia, sim, foi triste na colocação”, declara Celso Forster, sócio e diretor da BR Media Group, organização que trabalha com branded content e faz o relacionamento entre influenciadores e o mercado.




Em meio à polêmica, uma pergunta surgiu, sobretudo, a respeito do conteúdo antigo do youtuber: “As agências não pesquisam o histórico da celebridade que será contratada? ]”, explica Heloísa, que assim como é professora de ética na FIA. Forster completa, com um exemplo de veto: “Quando você vai contratar pra um postagem isolado, não existe apreensão com o histórico. Todavia se é para ser embaixador de uma marca, tendo como exemplo, usamos o chamado ‘índice de polemicidade’.


A gente resgata a história do influenciador, tal na mídia habitual quanto nas redes online. É um levantamento completo. Imediatamente pegamos um artista que estava envolvido em polêmicas, entretanto os protagonistas dele, não… a recomendação que demos para o cliente foi a de não utilizar o ator, apenas os personagens.


Isto assistência muito a evitar este tipo de problema”, explica o profissional. "Black Friday 2018 Vai Barrar Maquiagem De Preços", Garante Idealizador publicidade brasileira tem no Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária, o CONAR, órgão que também julga os casos de excesso. Mas as organizações necessitam ter mais cuidado. Forster coloca menos responsabilidade nas regras e mais nas pessoas: “Mais do que um código de ética, as pessoas têm de imaginar antes de publicar… o universo mudou, e as pessoas têm de seguir. Os Trapalhões iriam presos hoje, seria inadmissível fazer aquele programa.


Hoje, as pessoas reconhecem e aceitam mais as diferenças… o que Cocielo publicou há cinco, seis anos, não cabe mais. Na data, não gerou nada, ninguém nem ao menos se lembrava disso… hoje todo mundo está bem mais antenado. Twitter: Conheça Os Paulistanos Mais Influentes No Microblog distância é de um clique, em tal grau pra elogiar quanto pra criticar”. Contudo vamos falar que marca e agência não fizeram nenhum trabalho prévio pra detectar dificuldades e o desastre ocorreu.


“Primeira coisa: assumir, com um pedido de desculpas enfático… finalmente, ocorreu. Se foi qualquer coisa pontual, o pedido vai ter credibilidade. Se o histórico pessoal traz coisas parecidas com o que aconteceu por último, de nada adianta muito”, considera Heloísa, que assim como acrescenta ações pela gestão da incerteza: “Ações contra racismo, contra diferenciação.


Todavia devem ser ações afirmativas e verdadeiras, porque o passado sempre volta”. Forster diz acreditar que a sequência do serviço, por si, também socorro o influenciador a seguir o seu caminho: “Ele deve continuar com as atividades regulares dele. As pessoas gradualmente vão deixar isso para trás. Ele vai perder seguidores e vai receber novos no futuro em questão de um humor mais bem cuidado. ] foi uma lição. Quem de nós de imediato não fez bobeira na existência? A questão é que alguém pública vai ter essas bobagens mais visíveis”.


Tags: site vinculado
Get rid of the ads (sfw)

Don't be the product, buy the product!

Schweinderl